BAÚ DO TABU

A casa da livre palavra


Ober un evezhiadenn

No viaduto de Millau, na França, o mais alto do mundo, um passeio acima das nuvens

Viaduc de Millau -- um passeio nas nuvens (Foto: Leviaducdemillau.com)

Viaduc de Millau — um passeio nas nuvens (Foto: Leviaducdemillau.com)

Publiquei isso em blog alheio. Trago para cá porque gosto muito

A sensação de andar por entre as nuvens no céu pode certamente ser apreciada no Viaduto de Millau, a ponte mais alta do mundo, localizada em Millau, no sudoeste da França, na rodovia que liga Paris a Barcelona, na Espanha. Seu pilar mais alto tem 343 metros — mais que os 300 da Torre Eiffel.

A ponte, situada a 532 quilômetros de Paris e a 401 de Barcelona, é equipada com uma proteção de vidro transparente aerodinâmico, que resguarda os veículos das fortes rajadas de vento da região.

O projeto, fabuloso, é trabalho conjunto do arquiteto britânico Norman Foster e do engenheiro francês Michel Virlogeux.

viaduc-de-millau1-440x246

O viaduto atravessa o vale do rio Tarn e as montanhas próximas a Millau. Quem dirige ali se sente flutuando nas nuvens, e pode desfrutar da bela paisagem ao redor.

viaduc-de-millau8-440x293

viaduc-de-millau12-440x330

O viaduto foi inaugurado oficialmente em dezembro de 2004 e a complexidade do projeto fez sua construção demorar três anos mais do que o previsto: além de sua grande altura, ela está assentada sobre uma estrutura de solo irregular.

viaduc-de-millau3-440x246

viaduc-de-millau7-440x250

viaduc-de-millau13-260x440

Dados da ponte:

Comprimento total: 2.460 metros

Largura: 32 metros

Estrutura: em oito vãos e 7 pólos-pontes

Maior altura de pólo (os grandes esteios que sustentam a rede de cabos de aço): 343 metros

Maior altura de pilar (os sustentáculos de concreto do conjunto): 87 metros.

Espessura da ponte: 4,20 metros

Largura da plataforma da estrada: 27,35 metros

Total de concreto utilizado: 227 000 toneladas

Total de aço utilizado: 39 700 toneladas

viaduc-de-millau5-440x246

viaduc-de-millau6-440x250

viaduc-de-millau11-440x283

viaduc-de-millau14-440x330

Advertisements


Ober un evezhiadenn

Morando em uma concha

Uma concha para chamar de lar

Uma concha para chamar de lar

Publiquei isso em blog alheio. Trago para cá porque gosto muito

Já imaginou como seria morar em uma concha?

Um jovem casal e seus dois filhos da Cidade do México já. E não só imaginaram, como tornaram isso realidade.

Em 2007, cansado de casas convencionais, o casal resolveu que era hora de se integrar à natureza, e contrataram a Arquitectura Orgânica para dar forma ao seu sonho.

O objetivo do projeto era sentirem-se morando como um caracol, como um molusco se movendo de um cômodo ao outro, em uma experiência simbiótica. O espaço harmônico, em três dimensões, traz, segundo o escritório de arquitetura, uma sensação de flutuar sobre a vegetação.

Ao subir a escada em espiral, chega-se primeiro a um vestíbulo, passando por uma sala de televisão, levando ainda a um estúdio com uma inigualável vista da paisagem montanhosa para chegar, finalmente, ao andar dos quartos e serviços.

Inspirada na obra de gigantes da arquitetura, como o catalão Antoni Gaudí e o americano Frank Lloyd Wright, a Nautilus House, como é chamada a casa, é dominada por superfícies lisas, escadas em espiral e plantações naturais.

Veja as fotos:

natilus-house1-440x293 natilus-house3-440x293 natilus-house4-293x440 natilus-house5-293x440 natilus-house10-339x440 natilus-house12-292x440 natilus-house13-440x313 natilus-house14-440x313 Natilus-house15-440x293 natilus-house16-440x313 natilus-house17-440x293 natilus-house18-440x313 natilus-house-440x293